Histórico

Visão

O Santuário Arquidiocesano Menino Jesus, sediado na cidade de Brazlândia no Distrito Federal, é a concretização de um desejo do Menino Jesus, manifestado a um menino engraxate, em abril de 1971, que ao passar pelo local, teve uma visão: que junto a um arbusto apareceu uma grande escada subindo em direção aos céus, o menino contemplou a visão e em poucos instantes ela desapareceu. O menino por sua vez contou a mãe a sua visão, e ela disse para que ele procurasse o Padre Humberto Vigário da cidade, e assim o fez e o padre respondeu ao menino que ficasse tranquilo e mantivesse segredo e que continuasse a sua atividade de engraxate. E que naquele local da visão seria construído um grande Santuário dedicado ao Menino Jesus e a Nossa Senhora. Portanto, em 1972 o Excelentíssimo Revmo. Dom José Newton de Almeida Baptista, primeiro Arcebispo de Brasília entregou de helicóptero a Comunidade de Brazlândia a Imagem Peregrina do Menino Jesus, proveniente de Roma, trazida pelo Pe. José Pellegrini e as Irmãs Oblatas do Menino Jesus, recebida por mais de dez mil fiéis, entregando-a a comunidade Paroquial ainda sem igreja, apenas uma modesta palhoça e depois uma pequena Igreja de madeira que guardava a valiosa imagem.

A construção do Santuário

Depois de três anos da chegada da Imagem, com a colaboração de todos os devotos, iniciou-se a construção do Santuário Menino Jesus pelo Pe. José Pellegrini, exatamente no mesmo local, junto ao arbusto, onde ocorreu a visão do menino engraxate.

Mas a fé e a religiosidade do povo Brazlandense foi crescendo constantemente e era necessário construir um ainda maior. Em função dessa fé e religiosidade é que o Excelentíssimo Revmo. Dom José Newton de Almeida Baptista,  com seu sucessor Cardeal Dom José Freire Falcão, juntamente com o Padre João Ignácio Perius, atual Reitor do Santuário, deram início ao projeto da nova obra.

No Natal do Ano Jubilar de 1998, o Excelentíssimo Revmo. Cardeal Dom José Freire Falcão criou o Santuário como Paróquia da Arquidiocese.

O Santuário começou a ser construído definitivamente no ano de 2000 com apoio dos fiéis, da comunidade local, empresários da cidade e contribuições de famílias Católicas e Luteranas da Alemanha, Suíça e Áustria.

O Santuário foi dedicado em 20 de dezembro de 2008 pelo Excelentíssimo Revmo. Dom João Braz de Aviz, Arcebispo Metropolitano de  Brasília (hoje Cardeal da Igreja) e elevado à condição de Santuário Arquidiocesano no dia 30 de outubro de 2016 pelo Excelentíssimo Revmo. Dom Sergio da Rocha, Arcebispo Metropolitano de Brasília.

Atualmente o Santuário Arquidiocesano Menino Jesus, em Brazlândia–DF é o maior Santuário dedicado ao Menino Jesus no Brasil, tem capacidade para acolher aproximadamente 6.000 pessoas sentadas e ao total mais de 15.000 pessoas distribuídas em suas galerias internas.

Possuem seis pavimentos, uma torre frontal com 55 metros de altura, duas torres laterais com 45 metros cada e uma cúpula com 33 metros.

No interior do Santuário, atrás do altar, está o quadro da Santa Ceia, o maior quadro da Santa Ceia em alto relevo do mundo, com 20 metros de largura e 7 metros de altura incluindo os acabamentos, obra de arte doada por um casal de Luteranos da Suíça, realizada pelos escultores e artistas Ponciano I, II e III no Ano Eucarístico 2005.

Em cada traço do Santuário, há um significado especial, em suas colunas, cúpula, quadros, imagens e até mesmo nas cores que o compõe, onde expressam a simplicidade, a pureza, e a humildade.

Os peregrinos se encantam diante de tanta beleza, simplicidade, ambiente de fé e acolhimento quando entram ao Santuário Arquidiocesano Menino Jesus. O Santuário está cada dia mais bonito, um ambiente agradável para sentirem a presença do amor misericordioso de Deus.

Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim (Jo 14:16)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Missão

A principal missão do Santuário Arquidiocesano Menino Jesus é acolher os peregrinos vindo de todas as partes e propor-lhes a vivência na mensagem do Menino Jesus: que é o caminho que nos leva ao Pai.